Você já reparou como o medo do fracasso é capaz de paralisar a sua vida? Observe quantas coisas você deixou de fazer por medo que elas não dessem certo ou não funcionassem da maneira como você gostaria. Hoje quero ensinar uma forma de superar o medo do fracasso.

medo-3

O que é o medo e para que serve?

O medo é natural. Somos humanos. Ele é um mecanismo de defesa que o nosso cérebro criou, para nos proteger de perigos que ameacem nossa sobrevivência. Portanto, visto por este lado, o medo não só é bom. Ele também foi útil para que a nossa espécie chegasse até os dias de hoje.

Imagine uma pessoa sem medo de altura: ela iria em qualquer precipício, sem preparo, e correria o risco de cair de lá. Ou seja, o medo nos preserva.

 

O medo quer nos defender

Quando nos deparamos com uma situação difícil – seja ela um desafio físico, mental ou emocional – o medo entra em ação. Como o ser humano consegue imaginar e antever situações, projetamos em nossa tela mental cenas relacionadas à execução daquele desafio. Quando fazemos isto e a emoção que vem é o medo, ele é acompanhado de uma manifestação física. Tenho certeza que algumas delas você já sentiu:

– frio na barriga

– sudorese nas mãos

– vontade de ir no banheiro

– febre sem motivo…

banner_a-gratidao-transforma-1

Teu medo diz:

-não faça isso, você pode se machucar”.

-“não faça isso, você pode se decepcionar”.

-“não faça isso, você pode se sentir mal depois”.

 

Desafio físico

Você tem medo de altura e teus amigos resolvem e convidar para passar um final de semana de aventuras, fazendo rapel e tirolesa. Você aceita, imaginando que poderá escapar destas atividades. Quando chega lá, vê que é a única coisa que há para fazer no lugar: tirolesa, rapel, descer as pedras da cachoeira em boia de pneu… tudo o que você mais tem medo.

Tua tela mental mostra o cabo de aço arrebentando e você estatelado no chão, morto. Ou caindo da bóia na cachoeira e se machucando todo. Só de ouvir “rapel”, teu estômago fica gelado e contrai.  Mas isto é só o medo tentando te preservar.

Se você passar por cima do medo, verá que o rapel é seguro, a vista é linda de lá de cima e a queda controlada não dura nem um minuto. Ou que flutuar na bóia cachoeira abaixo  é delicioso, ainda mais quando a viagem termina num remanso. Viu? Vai com medo mesmo.

medo-1

 

Desafio mental

Você quer muito, muito mesmo, conseguir uma promoção no teu trabalho. Ali eles oferecem cursos internos, mas seus colegas já avisaram que tiveram que estudar até de madrugada e aos finais de semana para poderem passar nas avaliações.

Você vê na cena: madrugadas a fio debruçado nas apostilas, respondendo questionários on line, e ao final, teu supervisor dizendo que você não passou. Só de pensar em ouvir o supervisor te criticando tuas mãos começam a suar frio. Mas este é o medo querendo te poupar do esforço mental e da exposição pela qual você pode passar.

Se você passar por cima do medo, estudará numa boa durante aqueles dois meses. Usará seus finais de semana feliz, sabendo que pode ser promovido. Irá para as avaliações preparado, e se por algum acaso não conseguir a almejada promoção, ao menos saberá que fez o possível para isto, e pode se preparar melhor para a próxima.

6fd2fb765473347f231f463663276b020b0ebd8c4b99527c79pimgpsh_fullsize_distr

Desafio emocional

Este todo mundo já passou ou vai passar. Vou dar um exemplo fácil de entender: sabe quando se está apaixonado, mas não sabe se a outra pessoa gosta da gente? Quando você quer falar com a pessoa e não consegue? O que passa na sua cabeça?

Você se vê sendo ignorado ou “tomando um fora”. Imagina que a pessoa é boa/ bonita/inteligente/ poderosa demais para você. Aí desiste – de medo –antes de sequer abrir a boca. O medo quer te preservar da decepção, de se sentir envergonhado.

Se você vai com medo mesmo, pode se surpreender com a reação do outro, positivamente. E mesmo que nada dê certo, ao menos você tentou, tomou alguma atitude. Quando se toma uma atitude, você já tem 50% de chances de dar certo e os outros 50% de dar errado. Bem melhor do que zero, não acha?

 

O medo pode nos preparar para as situações

Quando o medo nos impede de alcançarmos os nossos objetivos, ele passa a ser um problema. Mas como vimos acima, podemos usar este sentimento a nosso favor.

medo-4

Você pode conviver com os seus medos. E isso é válido para todos, homens e mulheres. Se temos a capacidade de imaginar e antever fracassos e erros que podem acontecer, temos aqui uma ferramenta poderosa.

Se temos medo de ir mal num teste, sabemos que devemos estudar mais; se é de esquecer uma fala numa palestra, deve ensaiar mais; se for de altura, está na hora de começar a usar o elevador panorâmico e ficar olhando pelo vidro, por exemplo; se o problema é enfrentar seu chefe, precisa se preparar mais.

Se o medo antevê situações, você pode preparar-se para elas. Mas como dar o passo decisivo para realizar as ações necessárias, ter este enfrentamento?

 

A coragem precisa estar um passo na frente do medo

Isso mesmo que você leu. A coragem precisa estar um passo a frente. A coragem, na verdade, nada mais é do que a certeza de que você já se preparou o suficiente, ou deu o seu máximo para enfrentar determinada situação. Já se dedicou muito, já imaginou mil vezes na tua cabeça. Agora a única coisa que falta é ir lá e realizar. Fazer a prova, se declarar, subir no palco, descer a cachoeira. Seja lá o que for, você já fez os 99%. Agora precisa fazer o 100.

“Ah, mas e a dor no estômago e as mãos suadas?”, você me pergunta. Nada disso mata. Você consegue seguir adiante, ter sucesso e dizer: “yes! Valeu a pena ter enfrentado os meus fantasmas”.

Não deixe que o medo de fracassar paralise a sua vida. Você merece ter a vida que sempre sonhou e isto está em suas mãos. Ninguém poderá fazer isto por você. E se fizer, tenha certeza, ficará com o seu lugar.

 

 

medo-2

Exercício para trazer a coragem

Pense em algo que você quer fazer mas tem medo de fracassar.

Agora, pense na pior coisa que pode acontecer. O que poderia dar errado? Se quiser, anote.

O próximo passo: você agora vai imaginar que está consertando tudo o que poderia dar errado na cena que viu antes. Conserte tudo. Perceba se agora você se sente mais leve.

Visualize então você executando o que quer. Refine a cena. Coloque cor, música de fundo, e se sinta preparado. Coloque um sorriso no rosto e diga: “eu quero, eu consigo!”

Toda vez que for se preparar para algo em que tem medo de fracassar, faça este exercício. Você é o responsável pelo seu sucesso. Se ele aparecer, agradeça mentalmente essa poderosa emoção, mas diga que você vai fazer com medo mesmo.

Experimente este exercício, e depois conte aqui no blog como foi! Se achar que é válido, compartilhe com amigos ou com quem sabe que precisa de uma ajudinha, ok?

Assista agora ao vídeo sobre o assunto.

E se quiser receber mais artigos como este de autodesenvolvimento, clique no botão abaixo para assinar nossa newsletter. Até a próxima!

bt_receber

28/10/2016

O medo de fracassar paralisa sua vida

Você já reparou como o medo do fracasso é capaz de paralisar a sua vida? Observe quantas coisas você deixou de fazer por medo que elas não dessem certo ou não funcionassem da maneira como você gostaria. Hoje quero ensinar uma forma de superar o medo do fracasso. O que […]
27/10/2016

Dica cinco: o hábito contra a procrastinação

venho com a dica número cinco contra a procrastinação: faça o comportamento que você quer ter virar um hábito. Se você perdeu as dicas anteriores, acesse abaixo: -dica 1: inevitabilidade -dica 2: dividir tarefas -dica 3: planeje seu tempo -dica 4: declare publicamente   Parece muito complicado colocar em prática […]
26/10/2016

Dica 4 contra a procrastinação: declare publicamente

Hoje quero apresentar a dica número quatro, declare publicamente, contra a procrastinação. Esta sequência de sete dicas sobre vencer ou manter sob controle a sua procrastinação está imperdível. Se você perdeu as anteriores, clique nos links: –dica 1: inevitabilidade –dica 2:  dividir tarefas –dica 3: planeje seu tempo   Declare publicamente […]
22/10/2016

Educação vem de berço: verdade ou mentira?

Você já deve ter ouvido esta frase: “a educação vem de berço”. Ela faz sentido para você? Gostaria de propor uma reflexão hoje sobre este tema. Quanto você acha que a educação tem influência no meio em que convivemos? Será que expressar-se educadamente, usando “por favor, “com licença”, “obrigado”, altera […]
21/10/2016

Saiba o motivo do crescimento de meus alunos ser rápido!

Alguma vez você já se perguntou porque o crescimento pessoal, profissional ou emocional acontece mais rápido quando é feito sob a orientação de um professor, mestre ou mentor?  Pois hoje vou responder a uma pergunta que muitas pessoas fazem para mim. Quando  eles leem os relatos dos alunos e veem […]
20/10/2016

Revisão Interna: um exercício de gratidão para você

Você costuma fazer uma autoanálise periódica, uma revisão interna, como um raio x do que está acontecendo num período de sua vida? Pois eu quero te apresentar um dos exercícios que proponho no meu curso “A Gratidão Transforma”, que possui este objetivo. O motivo de compartilhá-lo com você é simples: […]
19/10/2016

100 passos da gratidão: mude com esta prática!

Você acreditaria se eu dissesse que dar somente 100 passos, proferindo uma palavra pode mudar sua vida? Pois eu quero te apresentar hoje um exercício muito simples, que eu proponho aos meus alunos do curso “A Gratidão Transforma”. Não leva muito tempo, e este e mais outros exercícios vem auxiliando […]
18/10/2016

A raiva e o exercício da folha amassada

No nosso dia a dia nos deparamos com muitos momentos que os tiram fora do sério, e nos deixam com raiva, não é mesmo? Em casa, com filhos ou cônjuge, com nossos pais, com colegas de trabalho ou amigos; no trânsito, no mercado, ou aquele atendente de telemarketing… por isto […]
14/10/2016

Dica 3: Planeje seu tempo e pare de procrastinar

Vamos para a nossa terceira dica poderosa para vencer a procrastinação. Hoje vou te ensinar a como planejar o seu tempo. Se você ainda não leu as dicas anteriores,  dá uma chegadinha na dica 1 e dica 2, para entender o passo a passo que estou proporcionando. Dica de hoje: […]
13/10/2016

Dica 2: Dividir tarefas ou divida o touro em bifes!

Hoje eu vou apresentar a dica número dois para vencer a procrastinação: dividir.   Eu sempre brinco com minha audiência que quando não damos conta de uma grande tarefa, devemos pensar: “Que venha o touro! Mas que venha em forma de bifes”. Brincadeiras à parte, explicarei como dividir  tarefas para facilitar […]