Coach Palestrante: Trabalhe por prazer e tenha prazer no trabalho
01/03/2017
Acredite em você: Sétima Lição do Mestre Yoda
16/03/2017
dê o melhor de si

Pare de tentar e faça. Dê o melhor de si!

Hoje é quinta-feira e isso quer dizer que chegamos a nossa Sexta Lição do Mestre Yoda. Para quem chegou agora e está um pouco perdido, esse meu novo quadro traz grandes ensinamentos para a nossa vida diária através das mensagens da saga de filmes Star Wars. Se você ainda não conferiu a lição da semana passada e quer ficar por dentro de todos os outros vídeos, é só clicar nos links abaixo:

Quinta Lição do Mestre Yoda

Playlist Com todas as Lições do Mestre Yoda

Para essa quinta, eu separei o tema da nossa lição inspirada em uma cena entre Yoda e Luke Skywalker, o jovem aprendiz que estava aprendendo a ser um Jedi com o mestre verdinho, como muitos o chamam. A questão é que a cena traz um problema que pode estar afetando a sua vida nesse exato momento: viver de tentativas e poucos acertos. Ficou confuso? Continua comigo.

dê o melhor de si

Dê o melhor de si: Sexta Lição

Talvez, Mestre Yoda seja um dos primeiros coaches da história da humanidade e no mundo da fantasia. Ele ensinou a vários personagens de Star Wars grandes lições que hoje eu ensino a vocês. É engraçado ver como a ficção traz elementos tão interessantes da realidade e faz com que a gente perceba certos detalhes que passam despercebidos no dia a dia.

Essa semana eu analisei uma cena do
episódio V da saga. Nela, Yoda ajuda Luke Skywalker a retirar a nave do pântano de Dagobah. Quem assistiu ao filme deve lembrar da cena clássica onde o jovem aprendiz fica frustrado por tentar e não conseguir tirar a grande nave do lugar onde caiu. No entanto, Yoda lhe diz uma frase que me marcou bastante:

“Fazer ou não fazer, não existe tentar.”

 

Claro que tentar é uma parte importante. Isso me lembra até aquele ditado: “Se não tentarmos, não saberemos”. Até mesmo aprendemos muitas coisas por tentativa e erro. Mas, o que Yoda quer dizer com esse discurso é que muitas vezes quando estamos mentalizamos que vamos apenas tentar, estamos abrindo margem para o fracasso.

Porque essa atitude não é tão firme, decisiva como a atitude do fazer. Sabe o que parece? Quando alguém pede para você tentar fazer alguma coisa logo se subentende assim: “opa, eu posso ou não conseguir fazer, então não preciso me dedicar tanto, já que o resultado final não fará diferença”. E aí, não se coloca toda a fé nesse propósito, e ele é realizado de maneira medíocre.

Analisa bem, quantas vezes na sua vida você já passou por algo parecido? Tenho certeza que várias. E se faça essa pergunta: Por que eu ajo dessa forma? Por que não fazer tudo com dedicação, mesmo que os resultados não sejam colhidos?

Não é tentar para ver se dar certo. É fazer até dar certo.

(Dê o melhor de si)

dê o melhor de si

Essa frase é sensacional!

Muita gente por aí não consegue os resultados que tanto deseja porque no fundo não acredita em si mesmo, não acredita que conseguirá alcançar os objetivos que traçou. A margem de confiança é baixa e as expectativas menores ainda. Então me diz, pra que traçar metas e tentar por tentar? Você sabe que eu acredito muito na força do pensamento. Quanto mais positivo formos, mais colheremos coisas boas. Talvez não no tempo e da forma que gostaríamos, mas esses frutos serão colhidos em algum momento.

Eu sei o quanto o sentimento de tentar e não conseguir é frustrante, ele decepciona mesmo. E é isso que não compreendo, quando a gente dá o melhor de si e não consegue aquilo que se empenhou tanto para fazer, fica muito triste mas sabe que colocou tudo o que tinha em jogo e fez o seu melhor. Pelo há um conforto. Mas, quando alguém lava as mãos e faz pela metade sente a mesma frustração, e ainda convive com a dúvida cruel: “e se eu tivesse feito assim? E se eu tivesse me empenhado? E se..?”.

Quem me conhece sabe que quando eu entro em campo dou tudo que posso. Coloco toda a minha força e energia, mesmo que me desgaste um pouco. O que eu vejo por aí é que há menos sacrifício e mais dar de ombros. Nada do que você sonha vai vir dos céus e cair no seu colo. É preciso ceder e muitas vezes desistir de algumas coisas para chegar nos objetivos. Mas, sabe qual a melhor parte disso? É passar por esse caminho repleto de pedras e no final poder comemorar a vitória.

Essa sensação realmente não tem preço!

Vamos fazer um acordo? Nada de desistir. Tente, tente e dê o melhor de si. Faça tudo com amor e dedicação que os resultados vão chegar. Dê o melhor de si.

Gostou da lição de hoje? Então não perca o sexto ensinamento do Mestre Yoda que vai ao ar na próxima semana. Nos encontramos aqui, quinta-feira, às 20h. Que a força esteja com você! 

Vou deixar aqui um vídeo que eu produzi sobre o tema:

Se você gostou, deixe os seus comentários aqui abaixo, compartilhe este artigo e inscreva-se aqui no site para receber todas as novidades que estamos sempre criando para você:

Quer participar da minha lista VIP no WhatsApp e receber conteúdos exclusivos?

Envie seu NOME e SOBRENOME para o meu WhatsApp: 48 99135-1146 

Marcia Luz
Marcia Luz
Psicóloga, pos-graduada em Administração de Recursos Humanos, especializada em Gestal-terapia e mestre em Engenharia de Produção. Professora de Pós-graduação e palestrante. Autora dos livros: Lições Que a Vida ensina e a Arte encena, Outras Lições Que a Vida Ensina e a Arte encena , Construindo um Futuro de Sucesso e O Best Seller Agora é Pra Valer. Coach Executiva e Pessoal formada pelo ICI ( Integrated Coaching Institute), com curso certificado pelo ICF ( International Coaching afederation). Sócia-Presidente da Plenitude Soluções Empresariais Ltda. Idealizadora do CONADE - Congresso Nacinal de Autodesenvolvimento - Totalmente online, que reune os Gigantes do desenvolvimento humano no Brasil; Atingindo mais de 22.000 participantes em sua primeira versão (2014).

Deixe seu comentário

Obrigada pelo seu comentário.