Você sofre com baixa autoestima? Saiba o que fazer para tratar o problema
04/09/2017
Autoconfiança: fortaleça a sua através do Exercício do Espelho
11/09/2017

Por que você não consegue sentir e expressar gratidão?

gratidão

Eu trabalho com a metodologia da gratidão há muito tempo e depois que entrei no mundo digital passei acompanhar a transformação na vida dos meus alunos quase que diariamente. São mulheres e homens, de todas as idades, cores e profissões que passaram a cultivar o hábito de agradecer e hoje colhem os frutos saborosos dessa mudança.

Para você ter uma ideia, são 8 mil pessoas que acompanham meus treinamentos e cursos online. E todas elas, apesar de terem lá suas diferenças, possuem algo em comum: o desejo de serem mais felizes, e uma vida de qualidade, repleta de saúde, prosperidade, autoestima e amor.

Leia mais: Projeto desenvolvido por mãe de alunos, estimula o respeito,  gratidão e positividade em escola de SP

Vejo depoimentos de alunos que não só conquistaram tudo isso, mas lutam todos os dias para influenciar positivamente a vida das pessoas que com a qual convivem. Isso me faz pensar: “Se meu curso já ajudou tanta gente, por que só 8 mil e não 8 milhões aderiram ao mesmo método? O que falta para isso acontecer? Quais as armadilhas da mente? ”

Nesse texto, eu decidi mostrar para você quais são os 8 sabotadores que te impedem de agradecer diariamente.  

 baixa autoestima

8 armadilhas que detonam a sua capacidade de agradecer

Lendo e questionando sobre isso, cheguei à conclusão de que há alguns pensamentos sabotadores podem estar te impedindo de participar da metodologia da gratidão.

 

  1. Gratidão é diferente de educação

gratidão

Se você diz “muito obrigada!” por alguém ter feito uma gentileza, isso não quer dizer que você é uma pessoa grata, apenas que é muito educada.A gratidão é diferente da educação porque você não precisa de um fator externo para agradecer. Você não precisa que algum favor seja feito, porque não se incomoda se alguém nega um pedido seu.

Entende a diferença?

  1. Já pratico a gratidão

gratidão

Muuuita gente por aí me diz assim: “Mas Marcia, eu vou na igreja todo domingo e sempre agradeço. Eu já pratico esse hábito”.

Quando escuto isso, fico espantada em como essa criatura está iludida, e peço perdão se isso serve para você também. Pensa comigo… quantas vezes por dia você reclama? Eu tenho certeza que mais de uma vez, ou no mínimo um, isso acontece. Seres humanos são assim, faz parte da nossa natureza criticar, julgar, reclamar por coisas pequenas, imagine então por “motivos” maiores.

Sintonizar no canal da negatividade significa apenas uma coisa: atrair coisas ruins.

Você acha que pratica a gratidão, mas se colocar na balança poderá ver que o motivo pelos quais você agradece são muito poucos se comparados às suas queixas.

Essa briga está desproporcional.

 

  1. Gratidão é de graça

gratidão

“Gratidão é de graça, então porque você oferece um curso pago?”

 Está aí uma pergunta polêmica que muita gente me faz e eu faço questão de responder.

 Quando você vai no McDonalds e pede um combo cheio da calorias e gorduras isso tem um custo, certo? E vamos combinar que não é tão barato assim. A maioria das pessoas acha normal pagar por coisas prejudiciais, mas quando se trata de pagar um plano de saúde, por exemplo, acha caro demais. Quando pensa em comprar uma roupa bonita e apresentável, acha que é desperdício de dinheiro.

Uma vez Reinaldo Polito, um dos maiores professores de oratória do Brasil, me disse assim: “Marcia, eu vou te dar de presente um dos meus livros, mas eu tenho certeza que você não o lerá. Por que os livros que a gente ganha, ou demoramos tempo demais para pegarmos em mãos ou simplesmente não lemos.”

Sabe o porquê?

baixa autoestima

Esse livro que você ganhou pode muito bem não estar dentro do seu planejamento de leituras. Ou seja, ele não fazia parte do seu cronograma, você nem pensava e adquiri-lo.

Eu confesso que fiquei mais de um mês ser tocar no livro do Rinaldo. Para conseguir ler, eu tive que organizar um tempo específico só pra isso, pois me senti desafiada pelas palavras dele. Caso ele tivesse apenas me presenteado e ficado em silencia, eu não leria mesmo.

A parte mais sensível do ser humano é o bolso, e quando mexe nele, aí sim as coisas são levadas a sério. Há mais comprometimento, pois você quer que o seu investimento financeiro retorne positivamente o quanto antes.

 

         4 – Tempo

 gratidão

“O dia que der, eu faço.”

Essa é uma das afirmações que eu mais escuto. “Hoje eu não posso”, “Não tenho tempo”, “Minha vida é muito corrida”. São frases que já não me assustam mais, porque para mim, quando uma pessoa QUER muito algo, ela faz de tudo para conseguir.

Aliás, se você não tem 5 minutos da sua vida para cuidar de si mesmo, acredito que há alguma coisa errada aí. Do que adianta viver reclamando da vida e adiando uma mudança necessária para que você seja mais feliz?

Essa dúvida eu deixo para você.

 

5 – Não tenho dinheiro

gratidão

“No dia que eu tiver dinheiro, eu faço”.

Uma vez uma das minhas atuais alunas contou a história dela. Na época, ela estava desempregada e queria muito fazer o meu curso ‘A Gratidão Transforma’. Então, ao invés de esperar encontrar uma mala de dinheiro dando sopa por aí, ela foi até o antigo empregador, para quem já havia prestado o serviço de diarista, e explicou que precisava muito fazer um treinamento online que mudaria a vida dela. Nisso, ela fez uma proposta de trabalhar um período fazendo faxina, cobrando um valor bem mais em conta.

Ela pediu que o salário fosse adiantado para começar logo o curso e ele aceitou a proposta. Logo em seguida, após alguns dias de treinamento, começaram a chover outros serviços e ela começou a ganhar mais dinheiro.

Não existe desculpa para as pessoas que desejam realizar sonhos e alcançar objetivos. Os obstáculos estão apenas na sua mente, e só depende de você concretizar qualquer desejo.

Ficar sentado, se vitimizando e achando que é alvo de injustiças não vai fazer com que outras pessoas sintam pena de você e te deem a resposta para todos os seus problemas.

É preciso batalhar, sair de casa e ir de porta em porta.

A oportunidade aparece para quem a procura.

 

6 – Já tentei outras coisas e não deu certo

 gratidão

Uma vez, outra das minhas alunas, cujo o nome não revelarei, comentou que antes de entrar no curso sofreu com a negatividade do marido. Ele dizia: “Você já fez terapia, conheceu diversas religiões, acredita em gnomos e fadas, acha que a vida será resolvida com um passe de mágica. Desiste mulher”.

Leia mais: Conheça os 7 benefícios da gratidão comprovados pela ciência

Ela ficou absorta ao pensar em todos os métodos que havia experimentado e nada daquilo havia lhe dado as respostas que queria, por mais que tentasse. Mas, ao começar as minhas aulas ela passou a enxergar as coisas de uma outra maneira e tudo começou a fluir melhor.  E hoje em dia, adivinhe só, o esposo dela vai até nos meus treinamentos ao vivo.

 

7 – Não vai funcionar comigo

gratidão

Quando perguntam qual é o meu público alvo a minha única resposta é: não sei. Eu tenho alunos negros, brancos, brasileiros, estrangeiros, mulheres, homens, gays, trans, religiosos, céticos, jovens, idosos, das mais variáveis profissões.

O meu trabalho visa a ajudar PESSOAS e eu tenho certeza que você também pode ser beneficiada por ele.

 

8 – Conteúdos gratuitos funcionam

 Resultado de imagem para gif de joinha

Eu tenho muito conteúdo gratuito que produzo para as mais variáveis plataformas. Só no meu canal do Youtube, o Marcia Luz TV, eu disponibilizo mais de mil vídeos com diversos conteúdos. Em meu site, o marcialuz.com, todos os dias, eu posto artigos relevantes que também podem te ajudar. Sem contar todas as palestras gratuitas que eu promovo mensalmente.

 

Claro que esse material gratuito pode te ajudar e fazer a diferença na sua vida, no entanto, você não terá os mesmos resultados dos meus alunos. Eles seguem um método, com vídeos e exercícios diários. Eles escolheram deixar para trás uma vida pesada, cheia de amarras para desfrutar da vida que sejam ter.

 

Por que só 33 dias?

 gratidão

O estudo de Jane Wardle, do University College de Londres, publicado no European Journal of Social Psychology, afirma que para transformar um novo objetivo ou atividade em algo automático, de tal forma que não tenhamos de ter força de vontade, precisamos de 66 dias para comportamentos mais complexos, e 33 dias para comportamentos mais fáceis de serem automatizados, onde se encaixa a gratidão.

 

Semana da gratidão em dobro

 gratidão

Nesta primeira semana de setembro, do dia 4 a 8, eu dei início a  Jornada da Gratidão em Dobro. Durante todos esse período eu estarei ministrando palestras AO VIVO, às 19:30, horário de Brasília,  para tratar dos mais variáveis temas, como: baixa autoestima, vida financeira, relacionamentos e saúde. Para participar é só clicar nesse link:

 

Eu quero participar das palestras ao vivo

baixa autoestima

E para quem comprar um dos meus cursos da gratidão durante essa semana jornada ganhará uma vaga extra para presentear outra pessoa. Sabe aquela família ou amigo que está precisando de ajuda? Quem sabe essa seja a sua oportunidade de fazer algo por ele.

Se você deseja comprar o meu curso ‘A Gratidão Transforma a Sua Vida’ com uma vaga extra, então clique no link abaixo:

 

Quero ser aluna do curso ‘A Gratidão Transforma a Sua Vida’

 

  • Vocês terão acesso ao meu curso online, cada qual com seu login e senha. Esse curso é dividido em dois módulos: a primeira parte é sobre os fundamentos da gratidão e a segunda, trata da jornada completa de 33 dias.
  • Vocês também terão acesso a comunidade secreta do facebook, onde todos os meus alunos desse treinamento compartilham depoimentos incríveis. E ainda tem o bônus especial dos áudios de reprogramação mental.
  • Tenho certeza que em poucos dias já poderei ter o prazer de ler sobre as mudanças que ocorrerão na sua vida.

 

 Gostou do conteúdo de hoje? Então deixe um comentário e compartilhe esse post com seus amigos. Se desejar receber mais dicas como essa, clique no botão abaixo.

 

 

Quer participar da minha lista VIP no WhatsApp e receber conteúdos exclusivos? Envie seu NOME e SOBRENOME para o meu WhatsApp:  48 99944-8609

Marcia Luz
Marcia Luz
Psicóloga, pos-graduada em Administração de Recursos Humanos, especializada em Gestal-terapia e mestre em Engenharia de Produção. Professora de Pós-graduação e palestrante. Autora dos livros: Lições Que a Vida ensina e a Arte encena, Outras Lições Que a Vida Ensina e a Arte encena , Construindo um Futuro de Sucesso e O Best Seller Agora é Pra Valer. Coach Executiva e Pessoal formada pelo ICI ( Integrated Coaching Institute), com curso certificado pelo ICF ( International Coaching afederation). Sócia-Presidente da Plenitude Soluções Empresariais Ltda. Idealizadora do CONADE - Congresso Nacinal de Autodesenvolvimento - Totalmente online, que reune os Gigantes do desenvolvimento humano no Brasil; Atingindo mais de 22.000 participantes em sua primeira versão (2014).

Deixe seu comentário

Obrigada pelo seu comentário.